No Gloves On


Leave a comment

5 Truques para Manter a Pele Bem Tratada

São só 5 a meu ver e claro já contando com os dois básicos truques de sobrevivência da pele: dormir bem (umas boas e largas horas de sono o mais regularmente possível) e beber muita, muita água. Aqui vão:

  1. Lavar sempre a cara com água fria. Nunca (nunca mesmo) lavar a pele do rosto com água quente. Ajuda a manter sempre a firmeza da pele e manter os poros bem fechados.
  2. Esfoliar a pele 1 vez por semana (há uma grande quantidade de misturas esfoliantes naturais na internet, com iogurte, mel ou pepino, pêra abacate, etc. muito ‘faça você mesmo’ ou ‘do it yourself’ que são fantásticos…)
  3. Pelo menos 3 vezes por semana passar gelo na cara ou melhor, mergulhar a cara em água gelada (melhor ainda, todos os dias – quanto mais vezes melhor!)
  4. Retirar sempre (sempre mesmo) a maquilhagem da pele e completamente até o algodão continuar branco – estilo o ‘algodão não engana!’ (recomendação: água micelar :)
  5. Usar uma base com protector solar – mínimo 50, porque senão não faz  nada! – e no caso de não usar base, usar protector solar na cara, sempre (um creme que seja recomendado pelo dermatologista, claro ;)

Que tal?

São básicos, fáceis e super-importantes! Boa??

(Deixo aqui os meus exemplos – que me foram indicados pelo meu dermatologista, claro…!)

 

 

Advertisements


Leave a comment

O Que É Que Se Passa Com o Óleo de Coco??

Ando a ouvir histórias sobre o milagre do Óleo de Coco por todo o lado… Como o tratamento de beleza para, enfim… TUDO?? Para a pele e para o cabelo e também como óleo alimentar. Os benefícios da Água de Coco já foram mais do que comprovados – para além de ser deliciosa, é ultra-ultra-ultra-hidratante – mas e o Óleo de Coco??

Já percebi que faz parte do grande e misterioso caldeirão das bruxas da beleza ao século – juntamente com o resto dos feitiços – mas assim, em estado puro e bruto??  Alguém já experimentou? Comprovou? Quer partilhar?

É que supostamente tem voado das prateleiras das lojas…

E embora a ideia de ter um tratamento de beleza que também seja usado para temperar saladas, me deixe logo a nuca arrepiada, bem como a ideia de  andar envolta no aroma de coco – que me transporta imediatamente para os Verões do anos 80 e para o enjoo da moda do óleo (repelente) de coco na praia – o meu lado curioso contrapõe  imediatamente o meu lado reticente com um argumento:

Também existem tratamentos de beleza com chocolate, não ééééé?

E a melhor advogada do Óleo de Coco tem sido a super-modelo Miranda Kerr, então… Se é bom para ela, pode ser bom para mim, righttttttt?

A lista dos milagres é grandota e dá que pensar porque, além de ser um óleo naturalmente anti-bacteriano e antifúngico e poder reforçar o sistema imunitário, no campo da dermatologia tem sido alvo de pesquisa para tratar alguns quantos problemas de pele, pode até acelerar o processo de cicatrização e também aumentar o nível de hidratação e reduzir a perda de água das peles mais secas.

Pode ser usado como:

Hidratante de Corpo, de Rosto (dependendo sempre do tipo de pele, claro), para as Mãos Secas, para prevenir e tratar as Estrias durante a Gravidez, para besuntar as pernas depois da Depilação e mesmo no lugar dos cremes ou espumas para a odiosa terrível depilação com lâmina.

Limpeza e Desmaquilhante natural para o rosto e muito mais importante para os olhos porque é óptimo (dizem os testemunhos…) para retirar principalmente aquela maquilhagem mais forte (de cor ou textura intensa) – fiquei muito curiosa com este milagre!

Dica: Pôr um pouco (pouco mesmo – não deixa de ser óleo…) num disco ou bola de algodão e passar pelas pálpebras e pela zona abaixo dos olhos, e outro para a pele do rosto, e depois de acabar é só preciso lavar a cara com o produto que usamos normalmente. O rosto e especialmente a zona delicada dos olhos fica super hidratada.

Máscara de Cabelo porque consegue penetrar os tecidos do cabelo muitoooooo melhor que outros óleos. – também super curiosa com este milagre!

Dica: Passar o óleo pelos cabelos, pentear e enrolá-lo num carrapito. Depois (no caso de fazer o tratamento durante a noite) é melhor cobrir a almofada com uma toalha para proteger o tecido da almofada e  dormir descansada. No dia seguinte lavar o cabelo como normalmente (shampoo e amaciador, etc.).

Outra Dica: Para dar algum brilho (finalizador) ao cabelo depois de o secar. Passar um pouco (muito pouco) de óleo pelas palmas da mão e passar nas pontas do cabelo (só nas pontas – nem pensar em aproximar do couro cabeludo senão só consigo imaginar o efeito gorduroso…)

Óleo de Massagens ou Tratamento para Esfoliar a pele, com um pouco de Açúcar Amarelo ou Sal – que deve ser qualquer coisaaaaaaaaaaaaa!

Enfim… Ainda não experimentei, em nenhuma das formas de que se fala, mas devo confessar que estou muitooooo curiosa.

Para quem gosta do cheiro (há muito boa gente que não suporta o cheiro de coco – nem consigo imaginar como explicar o cheiro a piña colada ao meu querido namorado), além de ser um tratamento de beleza super acessível e barato, pode ter 1001 usos. O que desperta imediatamente a atenção!

Não sei se me atrevo a tudo mas como tratamento para o cabelo – principalmente e para começar – parece-me muito bem. Então, haja coragem!

I’m game!

<Imagens (de cima) por Helmut Newton e (galeria) Pinterest>


Leave a comment

A Sedução da Mulher está… Na Boca??

Surpresa?? Foi assim: Dolce & Gabbana lançaram a sua linha de Maquilhagem, mais especificamente para os seus super-batons e depois de apresentarem a cara da campanha – Monica Bellucci, que se estava mesmo a ver, claro! – e da estreia de Domenico Dolce como fotógrafo, os dois criadores deixaram o seguinte pensamento no ar:

“A WOMAN’S LIPS ARE THE KEY TO HER SEDUCTIVENESS. FOR US, LIPSTICK IS POETRY AND BEAUTY. IT CAN MAKE EVERY WOMAN MEMORABLE.”

Claro que bem pode ser só marketing, mas a primeira frase ficou a ecoar dentro da minha cabecinha ‘A woman’s lips are the key to her seductiveness.’ e… Espera lá!!

Será que eu dou atenção suficiente à minha boca??

Não que seja prioritário para mim ter todos os ditos pontos de sedução vistos e revistos a toda a hora, consoante as últimas novidades do mundo da beleza, ou que faça da minha vida uma ode ao mundo da cosmética e dos tratamentos de beleza – não tenho esse tempo, penso, nem sou diva, sei-o. – mas adooooooro tratar de mim e… Sim! A Boca é importante, claro que é! Então para quem fala muito ou demais – como eu – é claro que vai ter as atenções viradas para ela e tem que estar bem cuidada e bem bonita, certo??

No dia-a-dia uso um bálsamo óptimo para manter sempre a pele da boca bem hidratada e bonita, mas também para dar aquele brilho ao look nude diário sem ter que recorrer ao lipgloss constantemente, acabo só por usá-lo em ocasiões especiais porque, na verdade, embora adore gloss e por muito bonito e divertido que seja, é extremamente ‘pegajoso’ e quando não tenho o cabelo preso, acaba inevitavelmente por se colar à minha boca e a sensação (como posso pôr da melhor maneira…?) FREAKS ME OUT!!

Fora esse ‘cuidado’ – que nem vejo como cuidado ou tratamento, mas mais como parte da rotina de beleza -, na verdade sei que deveria talvez fazer um pouco mais.

Principalmente no Verão, na praia, é importante também proteger a pele da boca do Sol, até existem balsámos com protecção, então mais fácil ainda. Outro cuidado importante é de vez em quando esfoliar a pele da boca, existem N produtos, mas uma óptima dica que recebi – de um maquilhador pro-pro-pro – foi a de esfoliar a boca com um pouco de óleo (até azeite, pode ser!) e alguns grãos de açúcar e sempre em movimentos circulares.

Vale a pena, a boca fica super macia e até os lábios ficam mais cheios e bonitos.

A nível de batons, a minha preferência vai sempre para usar cores só à noite – e mesmo assim, na verdade ainda acabo por fugir um pouco às cores muito fortes, mas como as adoro, ando a trabalhar o hábito – mas quando quero usar durante o dia fico-me pelos tons mais naturais, aqueles cor-de-rosa claros, são os meus preferidos para o dia!

E voilá!! O movimento de pôr um baton é inato e sem dúvida é um momento de beleza feminina muito natural e completa um look totalmente, mas a boca tem que estar ‘IMPEC’ e bem cuidada, ainda para mais contando agora com este pensamento/statement…

‘A woman’s lips are the key to her seductiveness.’ 

É ou não é?

<Imagem de Dolcegabbana.com>


Leave a comment

Uma Mão lava a outra e trata também…

Temos os mesmos cuidados com as Mãos que temos com o Rosto? (talvez não…)

Pergunto isto porque foi o que me perguntei quando comparei lado-a-lado as minhas mãos com as mãos da minha Mãe e as mãos da minha Avó. A diferença entre elas, a idade, claro, e os cuidados. A minha Avó confirmou que a vida toda teve poucos ou nenhuns cuidados com a pele das mãos, a minha Mãe, alguns cuidados mas talvez não o suficiente, e eu… Penso estar a ter os cuidados suficientes, mas será que são mesmo?

Descobri em tempos – e a muito bom tempo, sem dúvida! – um creme que me deu tudo o que queria, pode andar comigo o dia todo e posso besuntar as mãos quantas vezes quiser, sem ficar com aquela sensação de mãos húmidas e gordurosas, ou seja, gordura no creme de mãos, já era! Também sei que, já que lavamos as mãos muitas vezes ao dia (sendo o povo bem asseado que somos, coisa dos Romanos…), devemos sempre tentar hidratá-las depois do uso de sabão ou detergente ou qualquer produto de limpeza que se atreva a tocar na nossa pele. É que o desgaste da nossa pele das mãos é francamente superior a qualquer outra parte do nosso corpo. Tomamos 1 banho por dia, às vezes 2, e lavamos o rosto também talvez 2 vezes ao dia no máximo, e agora assim por alto, quantas vezes ao dia é que lavamos as mãos…?

Pois… Não haviam as pobres coitadas de sugar todo o creme a que conseguem ‘deitar mão’ (não resisti à piaducha…)!

Fiquei então a saber que para além da hidratação convém também que o creme ou o tratamento tenha alguma protecção solar, porque as manchas que muitas vezes vão aparecendo com a idade podem ser francamente reduzidas com esse cuidado.

Também existe um tratamento que faz maravilhas, não só às mãos com a pele muito danificada e muito seca, mas também como um tratamento pontual – de semana em semana ou até mais espaçado -, mas que só pode ser feito à noite: Besuntar as mãos com Vaselina e calçar umas luvas de algodão e enquanto estamos a dormir e não precisamos de usar as mãos durante algumas horas, as nossas Mãos vão tendo um mimo, com um resultado que faz toda a diferença. Fácil, não é?

Ah! Aquele creme que me tem acompanhado sempre o dia: ROC Enydrial – Hand Cream. Mas existem tantos… E também importante (algo que faço já em modo compulsão…)  sempre que sobra creme hidratante, qualquer que seja, ‘gasto-o’ nos cotovelos que também sugam todo o creme a que conseguem chegar. Não se desperdiça hidratante, nunca! Porque nunca é demais…

Resultado: Daqui a uns anos, fazemos o ponto de situação, mas ao que tudo indica olhar pelas mãos e dar-lhe um pouco mais de mimo do que o habitual já compensa e muito. Normalmente é pelas Mãos que se  vê a idade mas, sem dúvida, com mais cuidado podemos ter uma boa idade!

<imagem Style.com>


Leave a comment

Auto-massagem facial – Tanakaaaaa!

Porque é Sábado e começou o fim-de-semana E a pele da cara nos pede a pés juntos um descanso especial, queremos a sensação e o bem-estar de uma massagem muitas e tantas vezes quanto possível, não é?

Como a ideia de passar a vida em massagens, não é para o meu bolso nem para o meu estilo de vida, mas sei que a nossa carinha precisa de vários cuidados – que não só os produtos diários -, saber como massajar os nossos músculos pode ajudar. Então desde há uns tempos para cá que – pelo menos uma vez por semana – ando a massajar a minha cara com a auto-massagem facial TANAKA! E tenho adorado!

Descobri-a há uns meses naqueles momentos de descontracção da hora de almoço, em que vagueamos pela net, à procura de mais informações sobre aquele assunto que temos que saber, mas que nos vamos esquecendo de lhe dedicar os 2 minutos necessários para descobrir. E lá estava no Youtube, claro, a ensinar nuns quantos gestos suficientes para mimar o nosso rosto em  10 minutos. É perfeita  para tonificar os músculos, relaxa e estimula o rosto com um lift imediato e definição dos contornos – sabe TÃO bem! – e com óptimos efeitos a longo prazo, recomendo!!

Existem muitos vídeos desta auto-massagem facial, mas tenho-me seguido por este.

Espero que gostem!

<Imagem Harper’s Bazaar>


Leave a comment

Vou tratar de mim – DETOX

Já estamos quase a uma semana do fim das festas, do fim do relativo abuso-extra que o corpo sofre sempre, alimentação, correrias, stress, noites mal dormidas, enfim… E claro que, depois a recuperação, depende muito do que se pode e do tempo que se tem para a poder fazer. Este ano levou-me aproximadamente uma semana a conseguir arrumar tudo o que estava desarrumado (o que estava a mais, etc.) e agora, estou pronta para voltar a equilibrar o meu dia-a-dia, começando pelo DETOX-Time!!

Um sumo bem verde e bem energético para o kick-off, perfeito para revitalizar e dá logo uma sensação de equilíbrio e energia (também é óptimo para o dia a seguir às noitadas!). Nunca fiz o famoso plano ou dieta de sumos de 3 ou 7 dias porque o meu organismo não ‘tolera’ essa quantidade de alimentos crús, mas este sumo – de vez em quando – é perfeito para mim!

5 Folhas de Couve e Espinafres

3 Maças

1 Limão

1 Pepino

E a receita:

Lavar todos os ingredientes muito bem (claro!) – deixo apenas a casca nas maças – e começo a passar pelo liquidificador/batedeira, juntando os ingredientes 1 a 1. Depois de estar pronto, bebo logo – não guardo – porque são alimentos crús e perdem as suas melhores qualidades com o tempo. Quando quero variar um bocado, retiro uma ou duas maças e substituo com ananás ou pêra, fica mais doce…!

Existem mil receitas na internet de várias misturas para estes sumos fantásticos, usei uma das receitas que encontrei neste link, mas alterei-a (retirei alguns ingredientes que não gosto ou não posso…) e pode-se sempre ir adicionando outros legumes e outras frutas, para personalizar ainda mais (acredito que hajam alguns destes sumos óptimos para o objectivo, mas verdadeiramente intragáveis…!). Esta tem sido a minha base.

Aqui vou eu!

 


Leave a comment

Para mim, ‘tá na cara!

Desde sempre o uso de maquilhagem diário nunca foi uma opção para mim, não por preguiça ou falta de tempo, mas por escolha. Uma cara fresca e uma pele bonita e sempre impecável, é o look perfeito para o dia-a-dia e, diga-se também, ultra-moderno. Gosto de usar maquilhagem, mas quando acho importante ou numa ocasião especial. E embora não a use diariamente não quer dizer, claro, que não tenha cuidados e alguns retoques a fazer para a cara estar sempre bem. Desde cedo aprendi que quanto melhor se tratar da pele mais ela sabe ficar bonita. Na verdade, não existe a pele perfeita sem cuidados, MESMO!

Para além dos tratamentos, claro que a alimentação e o estilo de vida são outros factores favoráveis ou desfavoráveis à pele perfeita. Tenho a sorte de gostar de fruta e de vegetais (a sempre fantástica fibra, vitaminas e minerais) e acima de tudo estou constantemente com sede, o que facilita porque não tenho que me esforçar por beber muita água durante o dia. MAS… (o horrendo ‘mas’…) por outro lado tenho alguns pecados capitais para a pele! Além de consumir demasiado café (leia-se, mais do que a dose recomendada, apenas) e de ter fumado muito durante 15 anos (porque gostava e sei que sempre gostarei embora já não fume, vá lá!) tenho o STRESS (&!+$%#%*) como constante na minha vida, não sei se é hábito, vicio, defeito ou feitio. Não me sinto mal por isso, devo dizer, faz e sempre fez parte de mim, e sei que não sou a única – hoje em dia acho raro não encontrar uma mulher em gestão de stress constante. Por outro lado foram talvez estes ‘pecados’ que me fizeram desde muito cedo olhar para a pele e perceber que a tinha que compensar muito bem por estas falhas que a longo prazo acabam por deixar ‘mossa’ na pele. Em algumas alturas da vida, talvez tenham menos ‘intensidade’ mas noutras alturas, estarão no seu pico, e será provavelmente sempre assim… É um dado adquirido. Então e como nunca fui uma pessoa necessáriamente zen, sabia que tendo essas pequenas falhas como uma constante, teria que tratar a pele MUUUUUITO bem!

Sempre tive a pele da cara muito sensível e demasiado ‘hormonal’ e, até descobrir os cuidados perfeitos para a minha pele, foram muitas as experiências falhadas de cuidados até perceber que faltava antes de mais o óbvio, um bom dermatologista (recomenda-se!). Não vale a pena procurar aqueles cremes ou maquilhagem mais recentes se não foram indicados e perfeitos para o nosso tipo de pele e estilo de vida. E isso só um médico nos poderá pôr no bom caminho explicando, como é a nossa pele e as opções que temos para a manter sempre bem – também ganhei consciência que a pele vai mudando e a forma de a tratar também terá que acompanhar essas mudanças.

Ritual da manhã: Passo sempre a cara por água fria (nunca quente!) e ponho um creme ultra-indicado para equilibrar a minha pele. Antes de sair, retoco algumas imperfeições com um creme corrector (de cor) também ultra-indicado e que também posso usar nas minhas gigantescas olheiras para aliviar o olhar. Um pó  bronzeador muito suave só para dar um boost de luz, um balsamo para a boca e as pestanas bem abertas com o enrolador de pestanas, mas que uso sem rímel, deixa o olhar bem leve e bem aberto e… ta dah!! ‘Tou pronta!

Ritual do fim do dia: Passo a cara novamente por água fria, e (fim do processo) limpo muito bem com água micelar – que acho que tem uma relação amorosa com a minha pele! Para mim foi a descoberta da década para os meus cuidados nocturnos. Acaba o processo, não tenho que fazer mais nada porque a água micelar ajuda a manter o equilíbrio da minha pele (não se deve mesmo passar a cara por água no fim, para que o tónico faça o efeito). Pela explicação do meu dermatologista, para o meu tipo de pele, o uso de muitos cremes nada faz para melhorar, só piora, tenho um creme diário, único e que ponho de manhã!

No fim de contas, o meu ritual diário é até bastante simples, não é?